sábado, 30 de abril de 2011

Trem metropolitano de Terezina (PI) descarrila outra vez, e no mesmo lugar

O vereador Edson Melo (PSDB) teve requerimento aprovado, nesta terça-feira (26), na Câmara Municipal de Teresina, em que se dirige ao Ministério Público Estadual para solicitar a intervenção por completo do metrô da capital.

“A linha é muito velha. Tem mais de 50 anos. Queremos uma revisão completa em toda a linha por onde passa o metrô. Devem ser revistos também as dormentes e toda a estrutura de ferro”, defende o parlamentar.

O vereador tucano sugere a criação de uma comissão formada por técnicos e engenheiros do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea) para que se realizem as vistorias. Pela segunda vez no mês, e em menos de 10 dias, o metrô descarrilou em cima da ponte sobre o rio Poty, provocando pânico entre os passageiros que estavam no veículo.

“Não basta a correção em um único ponto. Queremos uma revisão completa. As linhas são muito velhas. Agora estamos aguardando o posicionamento do Ministério Público. Queremos a substituição dos trilos”, disse Edson Melo.

OAB também se posiciona

A Comissão de Defesa dos Direitos do Consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Piauí também entrou com representação no Ministério Público solicitando a suspensão das atividades do metrô de Teresina por tempo indeterminado.

Para a instituição, é necessária que uma equipe técnica emita laudo detalhado de que todas as reparações necessárias foram feitas. 

CMTP

O diretor administrativo da Companhia Metropolitana de Transporte Público (CMTP), Antônio Sobral, informou que as linhas do metrô seguem suspensas até às 6h da próxima quinta-feira (28/04). A decisão foi tomada para que se prolongue a fase de teste e que se garanta que incidentes de descarrilamento não voltem a acontecer.

Cidadeverde.com - 26/04/11

Que no mínimo a via permanente está deteriorada, nunca tivemos dúvida.

Nenhum comentário: