quarta-feira, 27 de abril de 2011

Seguranças do metrô do Rio agridem passageiro

Seguranças do Metrô do Rio de Janeiro foram acusados de agredir um passageiro na estação de Botafogo, na noite de ontem. A confusão ocorreu quando o homem tentava passar pela roleta usando o cartão de passagens Riocard de um colega de trabalho. Os seguranças disseram que o passageiro havia passado sem pagar. Todo o tumulto foi filmado pelo repórter da Rede Globo, Rogério Coutinho, que estava na estação.
Nas imagens, o jardineiro Gabriel Gonçalves, de 35 anos, aparece sendo agarrado pelo colarinho por um dos seguranças. Ele é empurrado e levado para uma sala na estação do Metrô. Quando volta a ser enquadrado pela câmera, o jardineiro se contorce de dor e passa a mão nas costas. Passageiros saem em defesa de Gonçalves, inclusive dois colegas de trabalho. Um segurança, então, sai da sala e agride verbalmente os passageiros.
Os dois funcionários foram afastados pelo Metrô Rio. Em nota, a concessionária informou que lamenta o incidente e garante tratar-se de um fato isolado. "Todos os seguranças passam por um intenso treinamento de sete meses antes de serem liberados para o trabalho nas estações e um dos princípios básicos de conduta é o respeito aos passageiros e o repúdio a todo tipo de excesso no exercício das funções". 

O Estado de São Paulo – Clarissa Thomé - 27 de abril de 2011


Ah. A concessionária lamenta, é um fato isolado e os dois seguranças foram afastados. Que beleza... Viva a privatização, cujos desmandos se resolvem com uma mera desculpa.

Nenhum comentário: